Baloiço da Serradela: um tesouro na Serra da Cabreira

Nos inúmeros momentos felizes que vivi em criança a baloiçar estava longe de imaginar que anos mais tarde, vários, por sinal, pois a idade já lá vai, que chegasse a “moda” dos Baloiços. Claro que sou fã da ideia e não consegui ficar indiferente tendo, desde logo, aderido. 

Uma coisa é certa, e óbvia, tem feito as delícias da Maria João, já para não falar nas minhas.

Ao longo dos últimos dois anos temos tido a oportunidade e o privilégio de conhecer vários baloiços que nos permitem apreciar as maravilhas da natureza, desfrutar de paisagens e cenários esplêndidos, gozar de uma enorme sensação de liberdade, enquanto baloiçamos, e viver experiências únicas e muito especiais. 

Um dos mais recentes Baloiços que conhecemos está localizado em Vieira do Minho, a 815 metros de altitude, e tem uma vista panorâmica, arrebatadora e privilegiada para o pulmão verde da Serra da Cabreira, onde nasce o rio Ave. 

Estou a falar do Baloiço da Serradela, aquele que proporciona aos visitantes uma imersão na natureza.

Agora, mais do que nunca, já estamos a pensar em férias ou num fim de semana no meio da natureza, por isso este local pode ser do vosso interesse. Tomem nota!

A natureza em estado puro

O percurso é bastante fácil, tivemos que percorrer, apenas, um caminho muito curto a subir, e em terra, para chegar. Chegadas ao cimo vimos, de imediato, o Baloiço.

Ficámos, desde logo, petrificadas, não só com o seu tamanho, mas com a paisagem infinita. 

Tínhamos acabado de chegar, mas senti que a experiência ia ser memorável. Não me enganei. 

A Maria João correu logo em direção ao Baloiço e as gargalhadas começaram a ecoar. 

“Anda mamã, vamos andar juntas” e eu, ainda absorvida pela paisagem, dirigi-me ao Baloiço e, por momentos, senti que o tempo parou e fui absorvida por uma leveza inexplicável. 

Neste local ficámos alheados de tudo e sentimo-nos minúsculos, devido à imponência do Baloiço, bem como de toda a área. 

Após baloiçarmos várias vezes, dirigimo-nos para uma mesa em pedra e dois bancos que têm a função de um miradouro panorâmico e aí vimos, a pastar livremente, cavalos garranos, vários e de todos os tamanhos. 

Ficámos maravilhadas com todos, mas os pequeninos eram ainda mais encantadores. Sempre que vimos animais o que é que a Maria João gostava de fazer? Se a sua resposta foi trazer para casa, está, obviamente, correta. Se fosse possível, a nossa casa já tinha virado um verdadeiro Jardim Zoológico. 

Piquenique à sombra dos cedros

Está maravilhada/o com o Baloiço e a envolvência, mas não é tudo. Para complementar a visita existe, a cerca de 300 metros deste local, um excelente spot, com várias mesas, bancos em pedra e churrasqueiras para fazer um aprazível piquenique…rodeado de natureza, onde reinam sombras proporcionadas pelos imponentes cedros! Tal e qual como nós gostamos. 

Já sabe, quando passar por Vieira do Minho, não deixe de visitar o Baloiço da Serradela e desfrutar do Parque de Merendas. 

De forma a facilitar a visita e como não quero que lhe falte nada, deixo a localização e as coordenadas GPS. 

Como chegar?

Localização: Rua do Miradouro, 4850-000 Vieira do Minho

Coordenadas GPS: 41.656656, -8.076961

Se é fã de Baloiços não deixe de ler os seguintes artigos:

Baloiço São Gens: o Douro aos nossos pés

Baloiço dos Caretas: uma vista alucinante para a Região de Basto

Um baloiço abraçado pela natureza!

Baloiçar de forma mágica num local singular

Comentários

Mensagens populares